Me Falou que tinha 13!



Click to this video!

Olá amigo(a)s leitore(a)s, esse é meu primeiro relato, vou me identificar como W.C.S, tenho 17 anos, alto 1,92 de altura e 86 kg, vou contar à vocês o que aconteceu comigo ano passado.

Bom, tudo começou quando eu voltei a morar com minha mãe, pois tive um desentendimento com meu pai, tive que voltar para minha antiga escola. No primeiro dia resolvi ir mais cedo para reencontrar a galera toda e falar a novidade, tomei banho, me arrumei, peguei a mochila e fui para o ponto de ônibus onde encontro uma garota bem bonita, pele morena cabelo liso, tinha alguns traços meio indígenas, um corpo belo com seios medianos e uma bunda grandinha e redondinha, acho que ela tinha acabado de chegar ali, pois ainda estava de pé, chueguei e a comprimentei com um “oi” meio discreto na qual me respondeu com um belo sorriso.

Fiquei mais ou menos um minuto sentado quando ela foi até um mercadinho que ficava perto do ponto, depois de uns 3 minutos ela volta com um salgadinho coca cola e um saquinho de balas, sentou-se ao meu lado e perguntou se eu queria uma bala, aceitei como se fosse algo normal, até ai tudo bem, mais percebi que ela me olhava muito e derrepente ela começou a conversar comigo:
-tudo bem moço
-sim, e você?
-tô bem, vai pra onde?
-estou indo para a escola
-não está meio cedo?
-sim, mais estou indo agora porque quero rever os meus amigos e amigas. E você vai aonde?
-estou indo para a minha aula de fanfarra…

E conversa vai conversa vem ela me passou seu WhatsApp e falou que eu podia chama-la para conversar a noite. Logo depois o ônibus chega e pergunto se ela não vai, e me responde que está esperando a van do grupo de fanfarra dela, então eu disse ok, bejei sua bochecha e disse até a noite. Nossa não acreditei no que tinha acontecido, uma garota como aquela me passou seu número, nossa que sensação, mais uma coisa me incomodou, tudo isso aconteceu e eu nem se quer sabia seu nome e a sua idade, mais depois desencanei.

Quando cheguei em casa a noite fui tomar um banho e quando tiro a minha blusa caiu o papel em que aquela menina tinha escrevido seu número, coloquei o papel em cima de um armarinho que tinha no banheiro, e enquanto tomava meu banho bateu um vento e o papel caiu no chão molhado e rapidamente o peguei com todo cuidado pois minha mão estava molhada e coloquei o papel de volta no armarinho, sequei minhas mãos e peguei o papel e sai do banheiro pelado mesmo, passei pela sala onde estava minha irmã mais velha, não tenho vergonha de andar nú na frente dela pois já fizemos algumas vezes o que é outra história, bom fui até o meu quarto peguei meu celular e salvei seu número, rasguei o papel para que minha irmã não visse pois tem muito ciúmes de mim, e voltei a terminar meu banho.

Passou o tempo e lembrei da linda menina, e resolvi chama-la no Whats, ela respondeu bem rápido, perguntei seu nome e disse que eu poderia chamar ela de Biia, perguntei sua idade e disse que tinha 13 (mentira), conversamos muito e decidi perguntar onde ela morava, uma surpresa morava do outro lado da rodovia, ou seja era só eu atravessar a pista que estava perto da casa dela coisa de uns 200 m, era quase uma vizinha minha, cara ai já comecei a pensar besteiras e então pedi para que ela me mandasse algumas fotos mandou varias e duas chamaram minha atenção uma ela estava de biquíni e outra estava só de calcinha mais com a mão cobrindo o seus seios, nossa não aguentei e fui bater uma, como ela era gostosa.

Os dias foram passando e nós ficamos mais amigos todo dia nos vimos, e então num certo dia conversando com ela por mensagem perguntei se ela namorava, me disse que não, então perguntei se ela ficaria comigo, ela demorou à responder minhas esperanças foram abaixo já tinha achado que ela não iria responder, depois de uns 10 minutos ela me responde pedindo desculpa pela demora, disse que tinha ido ao mercado, e então veio a resposta, e adivinhem foi um sim, no momento não acreditei e perguntei se ela estava falando sério, disse que estava, não perdi tempo e perguntei se ela ficaria comigo no outro dia, disse mais um sim, não acreditei uma garota como ela aceitando ficar comigo nossa ai foi outra sensação. No outro dia fui correndo para o ponto, fazia 2 ou 3 meses que não ficava com alguém, cheguei antes dela fiquei alguns minutos esperando quando ela aparece linda meu olho brilhava, minha mão começou a tremer, nunca tinha acontecido isso antes nem no meu primeiro beijo, ela meu deu um sorriso não quis perder tempo fui logo abraçando ela e que supresa ela me deu o beijo, nossa como foi bom, um beijo lento cheio de língua, não aguentei meu pau endureceu rapidamente e ela tinha notado e me soltou fiquei meio constrangido e então ela volta a me beijar, segurava ela pela cintura pois não queria que ela se ofendesse, bam! Mais uma surpresa enquanto eu a beijava ela apertou meu pau com sua pequena mão, que safada tirei minhas mãos da cintura dela e as coloquei em sua bunda, nossa que bunda macia e redondinha, meu pau estava estourando de tesão, e ela com aquela mão pequena apertando ele então, mais tivemos que parar pois uma senhorinha que apareceu dos quintos surgiu do nada e ficou nos olhando quando abri os olhos a senhorinha estava de pé com os olhos arregalados para a gente, soltei a menina rapidamente, ficamos abraçados para fingir quer eramos namorados, e nesse momento o ônibus chegou, dei um beijo na garota e fui embora.

No outro dia não deu para nós ficarmos pois eu não fui a escola pois fiquei com a minha irmã em casa fazendo coisas e pensando na garota, de noite nós estávamos conversando e no dia nós não tínhamos tocado no assunto e então eu resolvi falar sobre isso, perguntei o que ela tinha achado, me disse que foi ótimo e que queria ter ficado mais tempo, e me surpreendeu pois falou que foi seu primeiro beijo, na hora saquei que ela era virgem, meus pensamentos ficaram a mil por hora, também fiquei surpreso pois foi seu primeiro beijo e já se jogou daquele jeito, e então perguntei pq ela tinha feito tal coisa, então me respondeu que falou com sua irmã que iria ficar comigo e sua irmã disse pra ela aproveitar e falou que se meu pau ficasse duro era pra ela apertar, pronto estava explicado a irmã era uma safadinha tbm, e nessa conversa fiquei pensando se eu chamaria ela pra vir em casa, decidi não falar mais acho que o universo estava a meu favor, depois de muito conversarmos ela me disse que iria ficar o fim de semana todo sozinha em casa e que estava meio que com medo pois ia ser a primeira vez que ela ia ficar sozinha, entendi o recado do glorioso universo, falei então que se ela quisesse podia vir em casa para não ficar sozinha o dia todo, ela disse que iria pensar, provavelmente foi falar com a irmã sobre isso e pedir conselho, e então no outro dia, sábado, ela me manda mensagem e disse que topava vir em casa, não estava acreditando em tudo que estava acontecendo, combinamos então que ela viesse depois da 13:40 pois é a hora que minha mãe sai para trabalhar, ela trabalha em um restaurante como cozinheira e só volta umas 23:30, sorte também que minha irmã ia ficar a semana toda na casa do corno do namorado dela, minha irmã saiu logo de manhã umas 7:30 a essa hora eu já estava acordado ela me beijou e foi embora, 13:49 minha mãe saiu, já tinha avisado Biia que eu estava só, então fui até a cozinha e preparei um lanche pra gente, fui encontrar ela na passarela, a recebi com um beijo longo e um tapa na bunda dela e ela apertou meu pau novamente. Fomos pra minha casa ela se sentou no sofá perguntei se ela queria alguma coisa e me disse que estava bem, sentei do lado dela e conversamos um tempo resolvi então colocar um filme de comédia romântica que minha irmã tem mais que estava salvo no meu pen drive, nem vimos o filme, ficamos nos beijando e nos bulinando o filme todo, nem vi quando o filme acabou e esqueci que na sequência tinha um filme pornô, quando ouvi a musica do começo do pornô dei um pulo do sofá e pausei o filme, olhei pra ela constrangido, ela então pra minha surpresa disse que queria ver o filme, deixei rolar então ela estava penetrada no filme parecia que nunca tinha visto um na sua vida, alguns minutos depois ela disse que iria ao banheiro, ok, fiquei vendo o filme e então ouço um leve gemido vindo do banheiro fiquei curioso e fui espiar, a porta estava com uma fresta, olhei e me deparei com Biia batendo uma siririca, meu pau quase pulou pra fora, percebi que ela estava voltando então corri para o sofa, não deu pra ver muito bem a bucetinha dela pois estava de costas, continuamos a ver o pornô, então ela segurou meu pau e me beijou nossa como beijava nem parecia que tinha dado seu primeiro beijo a dois dias atrás.

Quando o filme terminou ficamos nos agarrando por meia hora, e então disse que iria tomar um banho e num ar de brincadeira mais torcendo que ela dissesse sim, perguntei se ela queria vir junto ela então deu uma risada safada e disse que não, disse tudo bem, e fui tomar meu banho deixei a porta do banheiro escancarada torcendo pra que ela passasse, e então quando tiro o shampoo do meu rosto vejo Biia parada na porta me olhando, e eu perguntei se estava tudo bem, ela disse sim e que só queria ir a cozinha pegar um copo dágua, falou meio que gaguejando e olhando para o meu pau, fingi que não percebi, desliguei o chuveiro e a levei até a cozinha para pegar água para ela, nem coloquei uma toalha, e Biia não parava de olhar meu pau que estava duro parecia que ia explodir, e então ela voltou pra sala e eu fiquei adimirando aquela bundinha redondinha, Biia usava uma calça jeans bem apertada o que realsava suas belas curvas, e tbm usava uma camiseta meio tomaraquecaia meio regata sei lá rs… então terminei meu banho coloquei uma calça moletom sem cueca e fiquei sem camisa, Biia ainda via aquele pornô, acho que ela tinha voltado o filme, sentei novamente ao lado dela, peguei seu queixo e puxei sua boca até a minha, e puxei sua mão até meu pau, já não aguentava mais tinha que comer Biia, e então coloquei meu pau pra fora da calça e Biia se afastou um pouco e ficou olhando ele e pedi para que ela pegasse, meio tremula ela pegou, cara que mãozinha macia, não sei como mais pedi pra ela me punhetar, ela disse que não sabia então coloquei minha mão em cima da dela e fiz um movimento de vai e vem e soutei sua mão, garota esperta aprendeu rápido, enquanto ela me punhetava eu passei a mão em sua bunda e apertei bem forte não me contentei com isso então coloquei minha mão por dentro de sua calça, a safadinha estava sem calcinha e senti meu dedo chegar em seu cuzinho, nisso ela se levantou e me disse que não podia levar aquilo adiante pois nunca tinha feito sexo antes, então eu disse pra ela ficar calma me levantei e a abracei e dei um beijo nela disse que iria com calma, beijei ela novamente peguei ela no colo e levei para o quarto.

Chegando lá eu a deitei na cama e fui por cima, beijei ela suavemente para deixa-la mais a vontade e então com todo cuidado fui tirando sua camisa quando a vi de sutiã preto e o tirei dando um beijo em seu pescoço o que deixou ela arrepiada, depois que tirei seu sutiã vi dois melãozinhos lindos com bicos morenos e durinhos, sem pensar cai de boca naqueles seios ela gemia baixinho o que só me deixava mais excitado, depois desci e dei um beijo em sua barriga o que fez com ela se arrepiasse novamente, coloquei minhas mãos em suas costas e devagar ia tirando sua calça jeans, com um pouco de dificuldade já que estava bem apertada ao corpo, quando me deparei com a bucetinha mais linda que já vi, sem pelos, apertadinha, dei uma olhada para Biia e vi que ela estava a vontade então passei a lingua naquela xotinha que fez Biia se contrair toda, então de uma vez abocanhei aquela bucetinha linda e Biia cada vez mais se contorcia de tesão até que senti Biia jogar seu mel para minha boca, dei um beijo nela para que sentisse o gostinho de seu mel, me coloquei de pé e falei para Biia me chupar, Biia se ajoelhou e chupou a cabeça do meu pau meio sem jeito, senti seu dente raspar a cabeça umas duas vezes, então falei para chupar como se fosse um pirulito ai ela foi melhorando, nossa como chupava, passava a lingua em toda a cabecinha, me contorsia de tesão nem uma menina que já tinha feito antes me chupou como Biia, até que Biia se soutou e abocanhou minha rola quase que inteira pois só conseguia até a metade ficou assim uns dois minutos e sem querer gozei na boca de Biia, ela então olhou pra mim com uma carinha de santa e me falou que eu podia ter avisado, pedi desculpas e a levei para o banheiro para se limpar, depois voltamos para o quarto meu pau ainda estava duro, deitei Biia novamente a beijei e peguei um lubrificante que minha irmã tinha em sua gaveta do guarda roupas, Biia parecia estar meio assustada e então eu disse que iria com todo cuidado, dei mais um beijo em Biia e mais uma chupada em seus seios, lubrifiquei bem meu pau e a xotinha de Biia, a mesma estava deitada de barriga para cima então abri suas pernas e admirei mais uma vez sua bucetinha virgem até então, me coloquei na frente dela e mirei a cabecinha do pau na entradinha e fui penetrando devagar Biia deu um grito que tive que tampar sua boca para que os vizinhos não ouvissem, esperei um tempo e fui penetrando lentamente, Biia fazia cara de quem estava com muita dor a cabeça do meu pau já tinha entrado toda, enfiei mais um pouco e deixei um tempo até que a bucetinha de Biia se acostumasse, depois enfiei bem lentamente até ver que meu pau já estava todo dentro de Biia, a mesma ainda se contorsia de dor esperei mais um tempo e vi que Biia já havia se acostumado com meu pau, então fiz um movimento para trás nisso vejo que meu pau estava cheio de sangue a buceta de Biia também, fiquei adimirado pois foi a primeira vez que tirei o cabaço de alguém, então começo leves movimentos de vai e vem Biia gemia alto fiquei com medo de algum vizinho escutar, mais não estava nem ai, estava na melhor foda da minha vida, Biia já havia se acostumado mais ainda fazia cara de que sentia um pouco de dor mais senti que estava gostando e então aumentei a velocidade das estocadas quando percebi estava bombando a bucetinha de Biia, que só gemia e que ora apertava seus peitos ora segurava o lençol, coloquei Biia de quatro e enfiei com tudo em Biia o que fez ela dar outro grito mais um pouco mais baixo, isso nem me importou só queria fuder aquela xotinha que tinha acabado de ser disvirginada.

Enquanto fudia a buceta de Biia, comecei a reparar em seu cuzinho, molhei meu dedo com saliva e comecei a fazer movimentos circulares no cuzinho de Biia, atolei meu dedo naquele cu apertadinho, tirei meu pau da buceta e mirei no seu cuzinho quando fui penetrar Biia se jougou pra frente e disse que não iria dar o cu, respondi que tudo bem, ela voltou a ficar de quatro novamente e enfiei meu pau naquela bucetinha quentinha de Biia mais fiquei enfiando meu dedo em seu cuzinho, ficamos assim uns 10 minutos me deitei na cama e falei para Biia cavalgar em mim, ela não sabia nada, então falei como ela tinha que fazer, e foi meio sem jeito mais depois pegou a pratica e ficou melhor, nesse momento quase gozei de novo mais consegui me conter, tirei Biia de cima de mim e a coloquei do meu lado para comer ela de ladinho, penetrei forte e Biia deu uma gemida mais alta, quando vejo Biia se contorcer muito e depois percebo que ela iria gozar novamente então acelero as estocadas e Biia goza em meu pau o que deixou ela sem forças, coloquei Biia de quatro mais uma vez, comi Biia assim por uns cinco minutos e disse que eu iria gozar, deitei Biia rapidamente de barriga para cima e derramo meu gozo em seus peitos, nossa que delicia de menina não estava acreditando em tudo que havia acontecido, depois disso fomos tomar um banho nos beijamos muito chupei os seios e a bucetinha de Biia de novo e ela me chupou gostoso logo depois fizemos um lanche ficamos mais tempo em casa até que fui levar Biia até sua casa onde me convidou para entrar, ficamos assistindo TV por um tempo e demos outra foda um pouco mais rápida pois já estava tarde, quando fui embora dei um beijo em Biia, quando estou quase chegando em casa Biia me manda uma mensagem dizendo que queria falar uma coisa no outro dia pra mim, até ai não achei que era nada importante e fui dormir.

No outro dia de manhã vou ao encontro de Biia em sua casa e pergunto o que ela queria me contar, ela com a cabeça baixa disse que tinha mentido sobre a sua idade, perguntei quantos anos realmente ela tinha e me respondeu que tinha apenas 10 anos, fiquei chocado tinha tirado a virgindade de uma menina de 10 anos, não estava acreditando aquilo me pegou de surpresa, na hora fiquei puto com ela xinguei muito ela e perguntei porque ela não tinha me falado, e respondeu que mentiu pois achou que eu não iria querer nada com ela, então me acalmei e falei tudo bem já foi, aconteceu, dei um beijo nela para mostrar que não estava bravo, mais estava, como fui cair nessa, e se ela contasse pra alguém? Mais também como eu iria saber? Ela tinha 10 anos mais com um corpo de 13, 14 anos, não quis pensar nisso, fui para casa relaxei e quando pego o meu celular vejo uma mensagem de Biia dizendo que sentia muito, respondi que estava tudo bem. Alguns dias passaram e minha relação com Biia voltou ao normal, ficávamos direto não queria saber se ela tinha 10 anos ou não só queria estar com ela, depois de todo esses acontecimentos eu e Biia transamos mais 5 vezes só não foi mais porque ela teve que se mudar para outra cidade, conversamos um tempo pelo Whats más ela trocou de número e meu celular tinha quebrado e estamos sem nos falar até hoje…
Bom gente foi isso que aconteceu, me desculpem se ficou grande, mais queria contar com todos os detalhes, valeu e tchau. W.C.S