Ainda pequena seduzi meu pai



Click to Download this video!

Tenho 13 anos sou do Rio Grande do Norte, sou loira, 1,56 de altura, 45kg.
Quando tinha uns 7 anos comecei a descobrir que mexendo na minha xoxota dava uma sensação gostosa, quando ia banhar esfregava bem o sabonete e ficava sentido umas coisinhas gostosas, depois mamãe me deu um perfume que o vidro era fininho e redondo, todas as noites antes de dormir fazia uma siririca com o vidro de perfume, tava ja com uns 8, uma noite papai veio me dar boa noite e notou um movimento estranho, eu gelei quando ele levantou o lençol e achou o vidro de perfume na minha calcinha, pensei que ele ia me bater, ele fechou a porta e falou muito zangado que aquilo era feio, que eu não podia, que Deus castigava, eu fiquei encolhida. Ele levou meu perfume e todo dia vinha no meu quarto observar se eu tava fazendo algo errado.
Passei a fazer so com o sabonete e por isso banhava varias vezes no dia.
Uma noite olhei meu pai e minha mãe na sacanagem na sala, ele colocava a mão dentro da calcinha dela e ficava mexendo, igual eu fazia com o perfume que ele não deixou mais, fiquei com a xoxota coçando.
Fui pro meu quarto imaginando papai fazer aquilo comigo também, então deitei nua, senti que quando ele veio me vistoriar se assustou, fingi estar dormindo ele me cobriu e foi pro quarto, naquela noite ouvi mamãe gemer, nunca tinha ouvido, e gemia alto.
No dia seguinte tomei banho dei boa noite pra mamãe e fui deitar, fiquei de bruço nua com a perna meio levantada, quando ele levantou o lençol vou minha bucetinha aberta como se dissesse pega em mim papai tremeu. Papai foi na porta do quarto e voltou, passou a mão bem devagar e colocou na boca, ouvi a respiração ofegante, papai foi pro quarto dele, mamãe gemeu mais alto ainda. Minha mãe estava toda contente no outro dia, e eu via meu pai me olhar diferente. A noite fiz a mesma coisa, deitei nua so que de frente com as pernas bem abertas, quando papai veio fingi dormi, como sempre acendeu a luz e levantou o lençol, ficou um tempo parado olhando minha buceta, me mexi pra ver se ele faria alguma coisa, ele segurava o lençol com uma mão e mexia no pau com a outra, me mexi e fiquei de bruço com a bunda bem empinadinha, ele mexeu comigo, me chamou e eu nem liguei, então ele passou a mão na minha xoxota, ficou acariciando e depois abaixou e lambeu, fui nas alturas quando senti aquela língua quente na minha xoxota. Papai foi pro quarto dele e mamãe gemeu novamente, na noite seguinte vi meu pai dar um comprimido pra mamãe, não sei se por causa do comprimido mas mamãe dormiu foi cedo, fui deitar e esperar papai vir fazer a vistoria, quando levantou o lençol tava nua e de pernas abertas, ele foi até a porta e trancou sentou na beira da cama e começou a passar o dedo na minha xoxota, tentou meter o dedo não entrou, ele lambeu o dedo e tentou de novo, doeu e eu gemi, ele se assustou e ia sair, eu falei:
– Volta papai ta gostoso.
Ele me olhou assustado e disse:
-Esses dias todos vc não tava dormindo?
Respondi:
-Não, tava gostando e muito.
Papai chegou perto da cama colocou o pau bem grandão, acho grande, pra fora e mandou que eu chupasse, enquanto eu chupava ele enchia na minha xoxota, tava tao gostoso que gozei rapidamente.
Papai mandou eu deitar de bruço de pernas fechadas e ficou roçando o pau na minha xoxota até gozar, foi maravilhoso.
Fizemos todos os dias até eu completar 10 anos, ele fazia sentado, em pé, comigo no colo, quando mamãe não tava no banheiro sentado no vaso, no banheiro era mais gostoso, ele me ensaboava e ficava me esfregando na pica dele. Gozei demais na pica dele.
Quando tava com 10 anos ele tirou o cabaço do meu cuzinho, ai as coisas ficaram bem mais gostosas. Mas conto depois como foi.
Beijos tchau.