Minha irmã,meu tesão



Click to Download this video!

Nao vou citar nomes,para nao ficar uma,coisa falsa.O fato que vou contar,começou a mais ou menos dezessete anos atras.eramos uma familia simples.eu tinha tres irmãos,sendo duas mulheres e um homem.minha mãe teve dois filhos do primeiro casamento,que nao deu certo,mais dois do meu padrasto.um casal do primeiro,um casal do segundo.sendo eu,o mais velho.seguido de duas irmãs e um irmão,o caçula.Na epoca onde inicia esse conto eu estava com treze anos,a primeira irmã e legitima com onze,a outra com sete eo mais novo com cinco anos.Nossos pais trabalhavam o dia todo.e com essa idade minha cabeça só pensava em sexo,os hormonios a mil.pegava as calcinhas sujas de minha mãe e de minha irmã mais velha,que é o pivô desse conto que chamarei de minha mana.ficava sentindo o cheiro das bucetas delas.e batia varias punhetas.mas desejo de comer mesmo,era minha mana.aquela menina com o corpo ainda se formando.peitinhos só os carocinhos.bundinha pequena,mas bem desenhada.e uma bucetinha ainda com os primeiros pelinhos nascendo.sei por que espiava ela no banho.e a cada dia meu desejo aumentando.ela usava uns shortinhos bem coladinhos no corpo e destacava aquela bucetinha. eu e ela tinhamos umas brincadeiras meio que ousadas.eu dava tapinhas na bundinha dela e ela corria atras de mim,e me fazia cocegas.isso tudo escondido de todos,com o tempo eu ja estava dando apertões naquele rabinho.Uma vez era um dia frio,eu e meus irmãos estavamos deitados no tapete da sala assistindo tv.minha mana deitada ao meu lado.ela usava uma calça de pijama.eu estava com tanto tesão nela,que escondido dei uma apertada em sua bundinha,ela só deu uma olhada para tras,e ficou quieta,fui chegando e encostando apenas o pinto em sua bunda,ela deu uma empinada e eu fiquei esfregando o pau na bundinha dela.até o fim do filme.outra vez brincavamos só eu ela em casa.todos haviam saido.resolvi ir mais longe.agarrei minha mana por tras.e dei uma encoxada.ela estava usando um shorts de pano fino.meu pau encaixava bem no meio de sua bundinha.ela nem fazia força para escapar.esfregava meu pinto e ela rebolava.ficamos um bom tempo só nessa brincadeira.Ate um dia que todos irmaos dormiam,fui até a cama dela,e levantei o cobertor,ela usava um shorts largo de pijama e calcinha.com as pernas meio abertas.eu comecei alisar sua bucetinha.por cima da calcinha.chegava perto e cheirava sua xaninha.alisava,derrepente notei que a calcinha estava ficando molhadinha.parei com medo de algum dos meus irmãos acordar e ver,ja que nós irmaos dividiamos o mesmo quarto.nesse dia pela tarde,estava só nos em casa.ela tava com uma sainha curtinha.eu a encoxava toda hora.ate a hora que ela foi para o quarto falando que iria dormir.ela nao tinha costume de dormir a tarde.esperei um pouco e entrei no quarto,ela estava deitada de bruço,e coberta com um lençol.cheguei perto e alisei sua bunda,ela nao reagiu.levantei o lençol devagar e subi sua saia,e apertava as nadegas dela,subi na cama e fiquei sarrando o pau nela.entao pela primeira vez,tirei o pau pra fora e fiquei esfregando no meio da bundinha dela,fazendo movimentos como estivesse comendo ela.quando estava quase gozando parava e ia para o banheiro bater uma.os dias passavam e nos sempre se esfregando.a tarde ela colocava uma saia e ia se deitar.eu partia logo atras.e o tesão só aumentava.Certo dia a tarde,ela foi se deitar,ja com uma saia,fui atras levantei o lençol,mas dessa vez ela deitou de barriga pra cima.cheguei ergui sua saia,e a safadinha estava sem calcinha.vi uma bucetinha com pêlos ralinhos era a primeira vez que vi ela bem pertinho.aproximei senti aquele cheirinho de xaninha virgem.e por instinto eu acho.comecei a lamber.ela tremia.e de olhos fechados.então abria mais as pernas,abrindo mais sua buceta.eu chupava bem gostoso.e ela tremia e abria os labios como se fosse gemer.sua bucetinha ja enxarcada.tirei o pau e esfregava naquela xana.meu pau roçava sua entradinha mas nao entrava.os movimentos era como se estivesse fodendo ela.derrepente ela me apertou e começou rebolar por baixo.apertou os olhos e mordeu os labios,estava gozando em silêncio.eu esfregava mais forte,e sem ainda saber do risco,gozei lambuzando aquela bucetinha.sai de cima dela tremendo e suando.nossa que gostoso que foi,logo depois ela,se levantou e foi para o banheiro.e desse jeito faziamos sempre quando sozinhos.ja chupava seus peitinhos ainda crescendo.esfregava meu pau por tras,gozava na sua bundinha.minha mana,estava viciada na minha porra.faziamos tudo em silêncio.Certa vez nossos pais estavam de saída para compras de fim de ano com nossos irmãos mais novos.O tesão ja começava.foi só eles sairem,nós trancamos tudo e ela ja foi para o quarto.cheguei e ela coberta com o lençol.levantei e dessa vez,ela estava sem nada.comecei chupar sua buceta.ela rebolava na minha lingua e cravava as unha no colchão.eu mordia de leve seu grelinho.ela tinha uma bucetinha bem lindinha,com labios carnudos,onde eu mordia e chupava.derrepente ela apertou minha cabeça contra a xotinha dela e tremia.ela gozava na minha boca.meu tesão aumentava e eu chupava mais forte.foi assim que ela soltou o primeiro gemido audivel.subi e chupava seus peitinhos e comecei esfregar meu pau na entradinha.mas diferente das outras vezes.quando eu forçava na entradinha ela rebolava pra sair.entendia que ela nao queria que eu colocasse.mas nesse dia não.eu forcei meu pau no buraquinho virgem dela.e ela me puxou pela cintura.ela queria ser penetrada.como sua bucetinha,estava toda melada.nao foi dificil.meu pau entrou arranhando ela deu um gritinho.e uma gemida tao gostosa.que eu fui a loucura.soquei todo meu pau e fiquei parado.sentindo aquela xota mordendo e mastigando ele.quando ela começou a rebolar,eu comecei um vai e vem,bem devagar.e fui aumentando o ritimo.ela gemia bem baixinho.eu chupava seus peitinhos.entao como ja tinha aprendido,que se eu gozasse dentro,ela poderia ficar gravida.estava bem atento.foi quando ela acelerou as reboladas e arranhou minhas costas e começou a gozar.me apertava,me agarrava e gemia no meu ouvido.comecei socar com força.e logo tirei o pau e gozei na barriguinha dela.que gostoso.notei que tinha um pouquinho de sangue no meu pinto.ela olhando para a cena em silencio.nossa respiraçao forte,e suados.coloquei a roupa e ela foi tomar banho.ainda chupei sua buceta naquele mesmo dia.só nao comi,pois quando tentei,ela me disse que nao,e que estava ardendo ainda.que foda gostosa essa com minha mana.ela metia gostoso demais.e olha que só tinha onze aninhos.essa foi a primeira,logo volto para contar muitas outras.