Minha priminha gostosa



Click to Download this video!

Eu tinha 15 anos quando comi minha prima novinha de 11 anos, eu era bem alto so um pouco magro mais forte, ela e baixa branca, linda magra do jeito certo ela não tinha muito corpo, mais tinha um pouquinho de bunda e peito, tinha um quadril meio largo, ela era inocente nesse caso, ela não sabia ainda, como nos dois era os caçulas nos fomos pra casa dos nossos avos pra passar as férias, agente dormia em quartos separados, agente já tinha uma afinidade pois eu cuidava dela quando mais nova, meu avo trabalhava e minha vó ia para um programa de gente idosa, agente ficava so durante o dia, no primeiro dia ela sentou no meu colo, meu pau ficou durão, ela olhava pra min com aquele rostinho lindo, eu disfarçava, fingia que não era nada, no outro dia eu tava deitado vendo TV ai ela veio e se deitou na minha frente e ficou grudadinha em min roçando aquela bundinha no meu pau ai eu coloquei meu braço por cima dela, deu pra perceber que ela tava sem calcinha, ela não parava de se mexer, nesse dia eu gozei e me levantei pra ela não perceber, já na mesma noite ela disse que tava com medo de dormi sozinha, então fui dormi no quarto com ela, ela se deitou primeiro fiquei sentado na cadeira esperando ela dormi pra min ir pro meu quarto, ela falou que se eu fosse embora depois que ela dormisse ela nunca mais iria falar comigo, então me deitei no lado dela de costas pra ela, ela me abraçou pro traz então virei e abraçei ela, ela tinha o sono pesado pois tinha ido dormi tarde, ela estava com um shortinho fino e uma regata que nem dava mais nela, meu pau já tava duro so de sentir o cheirinho dela, eu sabia que ela não ia acordar fácil então puxei um pouco o short dela e comecei a acariciar sua bela e gostosa bunda, também acariciei sua bucetinha lisinha, passei a mão em seus peitos que não eram tão grandes, eu já não aguentava mais tanta tesão pensei em tentar colocar a cabeça do meu pau mais fiquei com medo, então bati uma atrás dela, enquanto batia eu esfregava meu pau na bundinha dela gozei nela, limpei ela e dormi, de manhã eu acordei e ela veio me abraçar e disse “obrigada por dormi comigo primo” a parti desse dia ela ficou mais apegada em min, me abraçava toda hora,..no primeiro sábado das férias eu sai pra ir encontra uns amigos da rua, voltei no meio daquela chuva, e ela tava deitada de bruços so de calcinha coladinha, sua bunda estava grande naquela posição pensei “meu deus que garotinha gostosa” minha vó já estava em casa então entrei no quarto como se não tivesse percebido que ela estava nua ela se cobriu de vergonha fiquei olhando pra ela e sai, no mesmo dia de noite meus avos já estavam dormindo ela estava acordada vendo tv, lembrei daquela cena que vi de tarde, ela so de calcinha, não aguentei de tesão me sentei do lado dela e comecei a passar a mão nela, e começamos a conversa nisso eu falei que gostava muito dela ela também disse que gostava muito de min, perguntei se ela gostava de alguém ela disse que não, tambem perguntei se ela sabia beija ela disse que não, falei com uma cara de tímido se queria que ensina-se, ela sorriu e disse que sim bem, bem tímida então começamos a nos beijar, ate que pra quem não sabia ela beijava bem, no meio desses amassos comecei a passar a mão nela todinha, parei de beijar ela e disse que queria ver sua bucetinha ela não deixou insisti varias vezes, varias mesmo, ate que ela deixou, que bucetinha linda ela tinha comecei a passar a mão, ela tirou a roupa inteira e comecei a beijar ela de novo, meu pau começou a ficar mais duro, então me deitei com ela e pedi pra ela ficar de ladinho então comecei a força na sua bucetinha, ela gritou mais não acordou ninguém, então falei que não ia da pra gente transar,ela perguntou porque, falei pq ela era muito apertadinha, pensei e então peguei um frasco de creme da vovo e falei pra ela enfiar na buceta pra alargar, agente de muitos dias de férias ainda, então passou 5 dias e ela falou que já tinha feito muito então comecei a beijar ela tiramos a roupa e comecei a força na bucetinha dela, percebi que ela so gemia baixinho fiquei com tanta tesão que gozei em menos de 3 minutos, ai agente começou a se beija fomos tomar banho, no banho pedi pra ela chupar meu pau ela não quis então eu insisti, e ela chupou eu não aguentei e gozei na boca dela ela cuspiu tudinho, tomamos banho normal eu passava sabonete em todo o corpinho dela,.. pra uma garotinha de 11 anos ela tinha a bunda bem empinadinha que me deixava louco, ela passava a mão no meu pau eu passava na bucetinha, no dia seguinte tentei comer o cuzinho dela como tava so nos na casa não tinha problema ela gritar, fiquei tentando, ela gemia não consegui desisti, como não consegui comer o cuzinho, comi a bucetinha dela de novo, sentei na poltrona do vovo e pedir pra ela sentar, pra quem nunca tinha feito ela sentou como profissional ela segurou meu pau e foi sentando aos poucos, ela gemia com aquela voz dela me dava mais tesão ainda, mais ainda não conseguia esquecer aquele cuzinho no dia seguinte falei pra ela fazer o mesmo esquema do frasco, e ela disse que fez isso a noite inteira enquanto eu dormia.. engraçado que eu pedia e ela fazia,… quando amanheceu mais de tarde ela me chamou pra tomar banho eu fui e ela me disse no meu ouvido que queria mais tarde naquela hora meu pau ficou duro igual uma pedra comecei a encoxar a bunda dela no banho e gozei la mesmo, quando gozei ela ainda ficou batendo uma pra min, saímos do banho e fomos nos vesti já em outro dia de noite depois de voltar do shopping e me dei e dormi cedo devia ser umas 20:00 horas acordei era umas 00:00 senti um peso em cima de min e ums leves toques na minha boca abri o olho e era ela me beijando enquanto eu dormia, perguntei por que, ela disse “ a so me deu vontade e também queria ver se eu já sei beijar bem” ai eu respondi que ela já sabia, ai eu voltei a dormi pos estava com muito sono, na manhã seguinte eu acordei pensando naquele cuzinho dela, chamei ela mais vi que estava so eu na casa, ela tinha ido no supermercado com a minha vó, então esperei ela so que de la elas já foram na casa da irmã da vóvó ai so chegaram de noite, so a que a noite eu já tinha saído pra ir na casa de uns colegas, no outro dia eu sai de boa voltei de tarde e ela tava sozinha na sala vendo televisão com as janelas tudo aberta perguntei por que ela disse que tava com medo, começamos a conversa ela me disse que tava cansada de ficar enfiando o frasco no cuzinho por que fazia 3 ou 2 dias que agente não transava perguntei se ela queria fuder naquele momento, ela disse tanto faz então fomos pro quarto naquele momento eu so forcei um pouco meu pau e já tinha entrado a cabeça no cuzinho dela denovo gozei em menos de 3 ou 4 minutos fomos tomar banho saímos e fomos ver tv um dia depois eu tava com muita tesão então bati varias punhetas pra não gozar rápido quando estivesse comendo minha priminha gostosa na hora do sexo eu fui ver se as punhetas dariam resultado,.. que nada meti na bucetinha dela comi ela um pouquinho e já senti que ia gozar então fiquei controlando pra não gozar, ate hj eu lembro aquelas cenas de eu e ela fudendo de ladinho ela gemendo baixinho, com aquele rostinho lindo aquela budinha empinadinha levando pau, que bom,…ficamos alguns dias sem fuder, no meio do mês ela deitou no meu lado e pediu meu celular eu perguntei pra que ela disse so me da, eu dei, ela passou algumas horas com ele ai ela voltou e entregou já no outro dia quando fudemos no banheiro assim que eu dava umas estocadas na bucetinha dela ela falou “fode primo fode” eu estranhei e continuei comendo ela ai denovo ela falou, “goza na minha buceta goza” ai nessa hora eu senti qua ia gozar, eu ia tirar pra eu não gozar mais não deu tempo, assim que eu tirei já saiu muita goza que caiu tudinho na costa e na perna dela, perguntei como ela aprendeu ela respondeu… “ eu vi uns filmes de mulher transando no seu célular ” de noite eu queria que ela chupasse meu pau ai ela chupou gozei na boca dela ela cuspiu na cama, ai ela falou caramba e agora, a vóvó vai saber que e goza não tinha como esconder, então deixei la mesmo 1 dia depois ela foi lavar o nosso lençou e percebeu, ela me chamou e perguntou, disfarcei fingindo que alguém tinha me chamado so pra pensar numa resposta ai me veio a cabeça e respondi esfregando o dedo no nariz “a vovo e catarro e que não tinha onde escarra” ela me olhou com um olhar mais acho que ela acreditou, no mesmo dia bem de madrugada ela ainda tava acordada mexendo no meu celular deitei no lado dela e falei coloca um pornô ai ela não sabia oque era ai eu disse coloca um video de sexo ai ela colocou vendo o vídeo meu pau ficou duro ai comecei a passar o pau nela ai eu lembre que não podia comer ela por que eu podia gozar e pegar de novo no lençou ai eu esperei amanhecer pra pegar umas camisinhas com meu amigo,..de noite falei que tava com as camisinhas ai tiramos a roupa ela começou a bater uma pra min pro meu pau ficar duro, ai eu coloquei a camisinha e botei na buceta dela meu pau,.. que sensação gostosa era comer aquela bucetinha apertadinha de camisinha,…fui tirando pra não gozar rápido e depois botei no cuzinho dela e ela falou “come meu cuzinho amor” ai eu tirei rápido e coloquei na buceta dela e gozei dentro, so que estava de camisinha, e muito boa a sensação de gozar dentro de uma bucetinha e enquanto eu gozava ela apertava meu pau com a bucetinha, pensa num tesão….continua